terça-feira, 21 de junho de 2016

Tempestade de indecisões!

         Hoje, em algum momento da minha vida, me pego lembrando do dia em que o céu, deixou de ser azul e ficou completamente branco.

     É, eu já não enxergava mais as cores como as outras pessoas. Não foi um acidente físico ou problema de visão, foi bem pior... Foi decepção!

     Eu prometi que não ia mais falar de coisas tristes e arrasadoras. Eu sei...

       Mas a questão é que eu não consigo!

    E em meio a tantas confusões, eu percebi que de algum modo, todo esse roteiro ainda faz parte de mim. Isso quer dizer que querendo ou não, eu sempre vou me lembrar de tudo aquilo que já foi motivo para esquecer.

      Não, eu não estou sendo melancólica e nem quero começar com a ladainha outra vez, até porque, isso me renderia mais uns dez outros textos.

       Só estou tentando fingir que não preciso voltar a fita para entender o final. E é claro, estou outra vez me culpando vagarosamente por cada gesto dele que ficou para trás e eu não pude responder porque não estava com ele.

    Por fim, nessa tempestade de indecisões, eu posso concluir que não existe um tempo certo para apagar um erro cometido ou um adeus que nunca existiu.

4 comentários:

  1. que texto mais lindo emi parabéns

    ResponderExcluir
  2. Amei esse texto! Mas ainda fala de roteiro por quê?

    ResponderExcluir
  3. texto maravilindo...

    ResponderExcluir
  4. a emi tá tentando superar esse amor hein

    ResponderExcluir